Foliões de Videira receberão preservativos durante o Carnaval

Iniciativa é da Prefeitura de Videira através do Programa Municipal de DST/AIDS

Videira – A Secretaria Municipal de Saúde de Videira já está intensificando a campanha para a prevenção de Doenças Sexualmente Transmissíveis no Carnaval. Com a certeza de que a prevenção e a informação são as melhores armas para combater as doenças, os técnicos da Secretaria, ligados ao Programa Municipal de DST/AIDS preparam uma série de ações para os dias de folia.  “A alegria pelo momento do carnaval precisa ser acompanhada de proteção para se evitar a contaminação de doenças por relação sexual e até mesmo a gravidez indesejada”, observa o secretário de Saúde – Lauri Pigozzo.

De acordo com o planejamento elaborado por enfermeiros e técnicos do Programa DST/AIDS, durante os cinco dias de Carnaval, os foliões que freqüentarem as festas do Clube Floresta, local onde se concentrará as festas do município terão à disposição, preservativos masculinos e femininos, além de folderes orientativos. Idosos que frequentarem os bailes de Carnaval promovidos pelo Programa de Atenção ao Idoso do Departamento de Ação Social também serão atendidos pela iniciativa.

Pigozzo explica que um grande número de preservativos estará à disposição da população, no entanto, os foliões deverão ser conscientes na retirada do produto. “Em outras ocasiões percebemos que muita gente pegava os preservativos para brincar, fazendo balão, por exemplo. Para que isso não volte a ocorrer, pedimos a colaboração de todos, porque queremos entregar essas camisinhas para cidadãos conscientes, que realmente queiram se proteger e não brincar com dinheiro público”, alerta, ressaltando que aqueles que já quiserem ir para a festa, prevenidos, terão preservativos disponíveis na Secretaria de Saúde: Programa DST, na recepção do PAME 24 horas e nos Postos de Saúde dos Bairros.

Segundo o secretário, o investimento em preservativos tem se mostrado como a melhor ferramenta na prevenção contra a AIDS e outras doenças sexualmente transmissíveis, já que a grande maioria dos casos de contaminação se dá através das relações sexuais. Na Secretaria de Saúde de Videira, 150 pessoas portadoras do vírus HIV recebem acompanhamento: 72 são homens, 76 são mulheres e três crianças. “De 2009 para cá  passado registramos 30 novos casos de HIV aqui em Videira, isso mostra que ainda falta conscientização das pessoas que podem nos procurara para sanar qualquer dúvida”.

Silvia Palma
Foto: Arquivo/Internet

ai/UNOPress

UNOPress
UNOPress
A UNOPress é uma Agência de Marketing Digital especializada em Assessoria de Imprensa e Marketing de Conteúdo. Produz conteúdo para diversas empresas que buscam Page Authority e Domain Authority.

Compartilhar:

Receba Notícias

Posts Relacionados

Mais Recentes